Deu na rádio
Cuidado ao ouvir nossos comunicadores, nunca repita o que eles falam...

Muitas vezes nos pedem para "não desligarmos nossos rádios, pois nossos rádios são nossos ouvidos" entretanto, nos impõem que ouçamos barbáries, como formadores de opinião, temos a obrigação de informar corretamente, apesar de nossa pretensa independência, responsabilidade e imparcialidade... O ser humano tende a evoluir, entretanto, nossos iletrados comunicadores não fazem nenhum tipo de esforço para tanto, e se expõem ao ridículo cotidianamente... Leia abaixo as pérolas do grande comunicador e da grande revelação. E olhem que eles se denominam paladinos da instrução.


Expressões que não devemos pronunciar:

 Acredite se quiser, deu na rádio...

 Exatamente assim no dia a dia, somos obrigados a ouvir as sandices do grande comunicador e da grande revelação...
*Na reunião teve menas gente do que o esperado... - menos gente.
*As pessoas podem ir a biblioteca de encontro a cultura...- ao encontro da cultura

A nível de - ???
A partir de agora - ninguém parte do meio, nem do fim.
A razão é porque - a razão é que devemos.
A seu critério pessoal - todo critério, é pessoal e individual.
Abertura inaugural - abertura, ou inauguração da loja tal.
Abusar demais - quem abusa, já é demais, alguém já abusou só um pouquinho?
Acabamento final - nunca vi acabamento inicial.
Amanhecer o dia - quando amanhecer a noite, vai ficar dificil.
Anexo(a) junto à carta - anexo, já é junto = anexo cópia do contrato...
As pessoas devem se comparecerem - as pessoas devem comparecer.
Assembléia Legislativa de Salvador - toda Assembléia Legislativa é do estado, da cidade, é Câmara Muniucipal.
Atrás da retaguarda - quem está atrás já está na retarguada.
Camping universitário - campus universitário, camping para acampamento, campos para a prática de esportes
Certeza absoluta - toda certeza, é absoluta
Colaborar com uma ajuda/auxílio - quem colabora, está ajudando ou auxiliando.
Colocar algo em seu respectivo lugar - dois corpos não ocupam o mesmo espaço, elementar...
Com absoluta correção/exatidão - absoluto, já é por si só, exato.
Concerteza - com certeza.
Como prêmio extra - se é prêmio, já é extra.
Comparecer em pessoa - o dia que alguem comparecer de forma impessoal, vai ser no mínimo, estranho.
Compartilhar conosco - se compartilha, compartilha com alguém.
Completamente vazio - ainda não vi, vazio pela metade.
Comprovadamente certo - bastaria estar certo, para estar comprovado.
Continua a permanecer - continuar e permanecer, é a mesma coisa.
Conviver junto - conviver separado, deve ser horrivel.
Criação nova
- criação, normalmente é o ínicio.
Dablu, dablu, dablu
- dáblio, dáblio, dáblio (essa, é demais).
De sua livre escolha - quem escolhe sob pressão, deixa de ser escolha.
Demasiadamente excessivo - demais, ou excesso, são a mesma coisa.
Destaque excepcional - ser excepcional, é estar em destaque.
Detalhes minuciosos - se é detalhe, é minucia.
Deverão se comparecerem
- deverão comparecer.
Elo de ligação
- todo elo, é ligação.
Em caráter esporádico - se é permanente, deixa de ser.
Em duas metades iguais - impossivel ser diferentes.
Empréstimo temporário - se não for temporário, passa a ser doação ou apropriação.
Encarar de frente - significa cara a cara, se alguém ficar de costa, complica.
Escolha  opcional - toda escolha, é por opção.
Exceder em muito - quem excede, passa das medidas.
Expressamente proibido - proibição já é expressa.
Exultar de alegria - exultar de tristeza, quem exulta, o faz por satisfação.
Fato real - se é de fato, é real.
Freqüentar constantemente - se é frequentador, é constante.
Gritar/Bradar  bem alto - se for baixinho, é sussuro.
Há anos atrás - anos à frente só a parapsicologia explica.
Individualidade inigualável - se é individual, não pode ser igual.
Interromper de uma vez - quem interrompe, pára.
Ir a biblioteca de encontro a cultura - não vai aprender nada, é melhor ir ao encontro.
Juntamente com - se está junto é com algo ou alguém.
Medidas extremas de último caso - só se toma medida extrema, quando não há mais nada a fazer.
Menas gente - menos gente.
Multidão de pessoas - dificil seria multidão de animais.
Nos dias 8, 9 e 10 inclusive - é dificil.
Número exato - todo número é exato.
Obra-prima principal - se é prima, é unica.
Outra alternativa - se é alternativa, é outra possição a ser tomada.
Palavra de honra - se você dá sua palavra, empenha sua honra.
Passatempo passageiro - não existe passatempo definitivo.
Pessoas da minha faixa etária de idade - faixa etária e faixa de idade, são a mesma coisa.
Planejar antecipadamente - quem planeja, se antecipa.
Pode possivelmente ocorrer - se pode é possivel.
Preconceito intolerante - ser preconceituso, é ser intolerante.
Propriedade característica - característica significa propriedade.
Quantia exata - se é quantidade, é exata.
Relações bilaterais entre dois países - bi, significa dois.
Repetir outra vez - quem repete, faz de novo.
Retornar de novo - quem retorna, volta.
Seje - seja
Sentido significativo - se tem sentido, significa.
Sintomas indicativos - o sintoma indica algo.
Sua aufilhada
- afilhada.
Sugiro,
conjecturalmente - sugerir ou conjecturar, são a mesma coisa.
Superávit positivo - se não for positivo, é deficit.
Surpresa inesperada - se não for inesperada, deixa de ser surpresa.
Terminantemente proibido - se é proibido, é de forma total.
Todos foram unânimes - se foi unanime é que todos concordaram.
Trezentas gramas - se falamos de quilo, é trezentos gramas.
Última versão definitiva - se é definitiva, é ultima.
Vandalismo criminoso - todo vandalismo é criminoso.
Vereador da cidade - não existe vereador nem estadual nem federal.
Vereador municipal
Voltar atrás - para a frente, fica difícil.

O Ministério da Educação adverte - se deu na rádio, não repita, pois você estará assassinando a pobre língua portuguesa já tão maltratada...