PREFEITURA DE SANTO AMARO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, ESPORTE E LAZER

DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO

Avenida Ferreira Bandeira, s/n, Centro, Santo Amaro-Ba
Prédio da Previdência Social, 3º Andar, Tel.: (75) 3241-8628 (75) 3241-8628
CEP 44200-000 - CNPJ: 14.222.566/0001-72 – seceduca@hotmail.com


Informe Educação Santo Amaro-Ba - responsabilidade do Secretário Tales Campos

informeseceduc.blogspot.com - I Seminário de Educação Inclusiva de Santo Amaro

Posted: 22 Oct 2010 01:02 PM PDT


O Coordenador de Educação Especial do Estado da Bahia, João Prazeres se reuniu no dia 13 de outubro na Direc 31 com o secretário de educação, Tales Campos, as Coordenadoras do Núcleo de Educação Inclusiva do Município, Maria Augusta e Delma, e representantes de Municípios vizinhos para discutir o I Seminário de Educação Inclusiva que acontecerá nos dias 17 e 18 de novembro de 2010 em Santo Amaro. O evento que tem o objetivo de sensibilizar a comunidade sobre a questão da inclusão de pessoas com Necessidades Educacionais Especiais na rede regular de ensino, contará com a participação palestrantes e oficineiros que debruçarão sobre as diversas temáticas referente a Educação Especial. Além do Seminário foram abordadas também questões sobre: As instalações das salas de recursos Multifuncionais para atender alunos com necessidades educativas especiais, suporte pedagógicos aos professores da rede regular de ensino previsto para o inicio de 2011 após a capacitação dos profissionais que atuarão nas mesmas e o Centro de Formação para professores que atuarão nas salas de recursos multifuncionais da nossa região.
Atualmente, a rede estadual de educação da Bahia já tem mais de 33 mil alunos com necessidades educacionais especiais estudando em escolas regulares. A maioria desses estudantes estão incluídos em turmas regulare s e recebem, em outro turno, o Atendimento Educacional Especializado oferecido nas salas de recursos multifuncionais instaladas dentro das próprias escolas, e nos Centros de Apoio Pedagógico. João Prazeres disse em outra fonte na internet: “ Esse quantitativo é a prova de que as pessoas com deficiência, os familiares e a sociedade estão começando a acreditar em nossa escola. Freqüentando as salas multifuncionais e os Centros de Apoio Pedagógico, onde contam com professores e equipamentos especializados, estudantes surdos, cegos, com deficiência intelectual e outras, acompanham com êxito as aulas na classe de ensino regular e fazem jus à política de inclusão formalizada no Brasil pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº 9.394/96. Esses equipamentos contribuem para complementar e/ou suplementar a formação do aluno, com vistas à autonomia e à independência na escola e fora dela”, destaca João Prazeres.


Programa Escola Ativa

Posted: 22 Oct 2010 08:12 AM PDT

Visando melhorar ainda mais o ensino de Santo Amaro no meio rural, a Secretaria de Educação mais uma vez firma parceria com o Governo Federal e inclui o Programa Escola Ativa em sua lista de esforços pela luta contra o analfabetismo e a evasão escolar.
Nesse sentido, o Programa Escola Ativa é uma estratégia metodológica voltada para gestão de classes multisseriadas que combina, na sala de aula, uma série de elementos e de instrumentos de caráter pedagógico/administrativo, cuja implementação objetiva aumentar a qualidade do ensino oferecido naquelas classes.


Pé na estrada!
Entre os dias 27 e 30 de setembro, foi realizado na cidade de Salvador o I Módulo de Formação do Programa Escola Ativa p ara os técnicos formadores.
O encontro foi de vital importância, pois teve em vista a troca de experiência e apresentação de propostas pedagógicas que possibilitará que os trabalhos a sejam realizados com os alunos do Ensino Fundamental I residentes na zona rural bem como os professores das escolas envolvidas no programa.


Firmando Parcerias rumo ao sucesso escolar!
Demonstrando sintonia, o Ministério da Educação, através da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade enviou para a Secretaria Municipal de Educação de Santo Amaro Kits Pedagógicos bem como Cadernos de Aprendizagem do Programa Escola Ativa. E esse material já tem destino certo: os 23 professores e os 366 alunos das 15 escolas rurais que aderiram ao Programa Escola Ativa. Segundo a técnica responsável pela implantação e efetivação do Programa Escola Ativa em Santo Amaro; Marly Bitencourt, esse material tem o objetivo de complementar o trabalho educacional, enriquecendo o acervo pedagógico das escolas do Campo.


informeseceduc.blogspot.com - Santo Amaro adere ao Programa Nacional de Formação Continuada a Distância

Posted: 30 Sep 2010 07:54 AM PDT

Pensando no bom andamento do sistema educativo, bem como numa gestão participativa, o município de Santo Amaro fez adesão ao Programa Formação Pela Escola que tem por objetivo fortalecer a atuação dos agentes e parceiros envolvidos na execução, no monitoramento, na avaliação, na prestação de contas e no controle social dos programas e ações educacionais financiados pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Escola). O programa, portanto, é voltado para a capacitação de conselheiros, professores, técnicos e gestores públicos municipais e estaduais, representantes da comunidade escolar e da sociedade organizada.
A proposta consiste na ofert a de cursos de capacitação, em que os participantes conhecem os detalhes da execução das ações e programas da autarquia, como a concepção, as diretrizes, os principais objetivos, os agentes envolvidos, a operacionalização, a prestação de contas e os mecanismos de controle social. Com isso, busca-se estimular a participação da sociedade nessas ações.


Em virtude da abrangência territorial do país e do grande número de pessoas envolvidas nessas ações, os cursos são oferecidos na modalidade a distância, como forma de potencializar os esforços de formação continuada dos diversos atores envolvidos na execução de programas do FNDE. Até 2006, as capacitações eram feitas exclusivamente de maneira pre sencial, o que representava o atendimento de um público menor e maiores gastos com a mobilização e transporte dos cursistas e de técnicos do FNDE até as cidades-polo.


Aqui em Santo Amaro 40 pessoas estão inscritas para participar da primeira turma do curso Competências Básicas que foi aberto para professores e profissionais da educação básica, técnicos e gestores das secretarias de educação e membros de conselhos sociais formados pela comunidade, pessoas que trabalham com os programas financiados pelo FNDE no âmbito escolar, seja na execução, na prestação de contas, no acompanhamento, na avaliação ou no controle social das ações.


Logo após a adesão ao programa, a professora Cleide de Loiola Esquivel foi capacitada para ser multiplicadora dos conteúdos do programa sendo tutora no nosso município, e a mesma será responsável, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação Esporte e Lazer, por organizar a demanda local dos cursos.
O curso completo é formado por seis módulos: o primeiro é o de Competências Básicas, que trata de políticas públicas em geral e de políticas educacionais. Os outros cinco módulos são temáticos e abordam os principais programas e ações do FNDE: Programa Nacional de Alimentação Escolar, Programa Dinheiro Direto na Escola, Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar, Programas do Livro e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Ainda neste ano também serão oferecidos cursos sobre prestação de contas dos programas PDE/ PDDE Escola e Mais Educação.


Aonde vai parar a Educação de Santo Amaro?

Que prefeito é esse! “Vamos fazer uma grande revolução na educação da nossa cidade. Acordaremos a coruja com um chute indefensável que nem a maldição da Jabulani será capaz de nos desviar do caminho do nosso destino: Uma Educação de Excelência”, diz o prefeito. E o Secretário Tales Campos “montou nas asas dessa idéia” e voando aguçou e refinou o olhar sobre a educação.

Mas não bastava a revolução na forma de fazer política nessa cidade? Nem as belas reformas das 28 escolas do município? Não. O incansável e destemido prefeito quer mais! Mais Educação, mais crianças nas escolas, mais qualidade na alimentação escolar, mais projetos e programas Federais implantados no município, mais qualificação profissional, mais ética, compromisso , franqueza, amizade e cordialidade no serviço público de Santo Amaro, ufa! Mais o quê seu prefeito? Não há espaço para menos nessa matéria? “Sim, menos politicagem é bom e eu gosto”!


Agora a boa nova é que ele autorizou a compra de Lousa Eletrônica para a Escola Municipal Prado Valadares. A lousa é um recurso tecnológico a serviço da aprendizagem, vista nas grandes redes particulares de ensino Brasileiro, que em vez dos dedos e quadros negros, alunos e professores utilizam uma janela aberta para o mundo.

Uma tela de toques conectado a um computador que com uma caneta especial ou mesmo as mãos são o suficiente para acionar uma variedade de aplicativos. Os alunos podem escrever ou desenhar diretamente sobre as informações mostradas na tela, acrescentar comentários, destacar dados, além de exibir filmes, mapas e acessar internet, proporcionando aulas mais atraentes para os mesmos. Lousa eletrônica! Aonde é que vamos parar! Assim a educação de Santo Amaro vai alçar vôos, e levados pelas correntes de vento norte, sul, leste, oeste chegará aos céus de Brasília. Ah! Isso já aconteceu.